Qualificar seus funcionários é investir na sua empresa

Qualificar seus funcionários é investir na sua empresa

Já dizia Jeff Bezos: “Nos negócios, o que é perigoso é não evoluir”. O CEO da Amazon, uma empresa de US$ 1,2 trilhão que está em constante evolução e inovação, pode falar essa frase com bastante conhecimento de causa. E um dos pontos iniciais e mais importantes da evolução da sua empresa é a sua equipe. Por isso que qualificar e investir nos seus funcionários é o mesmo que qualificar e investir na sua empresa.

Vale a pena esse investimento?

A pandemia marcou o cenário econômico no mundo todo. Assim, sobreviver e prosperar nos pedaços que sobraram dela não é tarefa fácil. O quadro de funcionários em empresas ao redor do globo sofreu desgaste, e esse é o nosso ponto de partida. Congelamentos de contratação significam que você deve trabalhar com os talentos internos.

A qualificação é a capacidade que você tem como empresa para treinar e desenvolver seus colaboradores. Mas porque aprimorar minha equipe? Resposta: Concorrência. Você tem que se manter competitivo no mercado. Como somos bombardeados com constantes e significativas inovações tecnológicas no local de trabalho, expandir os conjuntos de habilidades dos seus funcionários é uma vantagem para todos.

Afinal, investir seus colaboradores mostra que você os valoriza e por sua vez isso faz com que eles trabalhem de maneira mais disposta e rentável. Também torna sua empresa atrativa para bons profissionais. E além disso manter bons profissionais mantém a empresa relevante. Melhor desempenho é melhor crescimento.

Como qualificar meus funcionários?

O primeiro passo é treinar sua equipe sobre novas tecnologias ou sistemas aprimorados para ajudá-los a avançar em suas atribuições. Ou se já faz muito tempo que seus funcionários são treinados num determinado sistema ou atribuição, que tal dar a eles um desafio diferente? Como novas facetas no seu trabalho, novas responsabilidades ou rodizio nos setores da empresa.

Ajudar seus colaboradores a desenvolver novas habilidades é fundamental para sua empresa atrair novos talentos. Quando os trabalhadores se sentem valorizados e apreciados, eles estão engajados. Com base em uma pesquisa da Gallup (empresa de pesquisa de opinião dos Estados Unidos), o engajamento dos funcionários aumenta a lucratividade em 21%. Então agora que você já viu a importância de investir na sua equipe, vamos considerar 5 passos para você implementar de forma eficaz a qualificação dos colaboradores na sua empresa.

Passo 1- Avalie

Primeiro avalie os conjuntos de habilidades gerais. Descubra com quem você está trabalhando, onde estão os pontos baixos e veja se existe um padrão. Uma boa ideia pode ser pesquisar seus funcionários e ver onde eles sentem que está faltando e quais melhorias eles gostariam de fazer. Não se esqueça que você também é um empregado. E a liderança precisa dar o exemplo. Por isso deixe a sua equipe ver que você está arregaçando as mangas e aprendendo coisas novas junto com eles.

É importante notar que os funcionários podem ter vontade de aprender coisas novas ou se aprimorar, mas podem não saber como fazer isso. Por exemplo, mostre a eles quais seriam as qualificações para o trabalho que fazem se eles se candidatassem hoje, isso pode ser revelador. Além de esclarecer qual é a necessidade de qualificação para manter sua posição atual ou um cargo melhor.

Passo 2- Pesquise

Faça uma pesquisa externa e interna. Se antecipe ao pensar: “onde minha indústria estará nos próximos anos ou na próxima década?” E depois disso pergunte à sua equipe se eles acham que a empresa está capacitada para chegar lá. Se a resposta for negativa, escute o que eles acham que é necessário fazer para superar as fraquezas e seus adversários nos negócios.

Passo 3- Defina metas alcançáveis

Defina metas alcançáveis e competitivas, deixando-as bem claras à equipe. Deixe-os saber que você está investindo neles e no crescimento da empresa. Isso é um avanço na carreira para eles, o que lhes dá uma sensação de segurança. Se uma empresa está disposta a investir em um funcionário, isso cria confiança.

Passo 4- Faça acontecer

Esse é o passo mais difícil. Pois nele está envolvido o plano de ação: Como você vai fazer isso? Como vou medir a especialização da minha equipe? A gestão está assumindo a liderança? Vou precisar de ajuda de fora?

E mais do que em todas as outras etapas nessa é ainda mais importante que você ouça com atenção aos seus funcionários. Embora haverá complicações no meio do caminho, com as diferenças dos indivíduos e das equipes, com setores exigindo mais treinamento do que outros. Se os ouvir saberá o que precisam e o que cabe a você entregar.

Olhe atentamente para o que você realmente pode oferecer. Talvez você tenha a experiência interna para conduzir este treinamento. Ou precise de mentoria para ser mais eficaz e rápido em alguns casos. Esse processo não é engessado, cada negócio tem suas necessidades, então não deixe de personalizar sua qualificação para deixa-la ainda melhor.

Passo 5- Avalie de novo

Meça o progresso. Avalie se o processo está sendo efetivo. Para obter melhores resultados, monitore o progresso de sua equipe e defina avaliações. Mantenha as portas abertas sobre a eficácia dos treinamentos.

Talvez seja preciso fazer alguns ajustes ao longo do caminho, mas isso faz parte do crescimento. Seja flexível, e não abandone suas melhorias por pequenos aborrecimentos, vá aos poucos e com calma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.